21 MAIO 2021

Profissionais de enfermagem do HU-UEPG recebem cartinhas de estudantes

“Eu espero que você nunca desista, obrigada por salvar a sociedade”. Essa foi uma das mensagens que os profissionais da enfermagem do Hospital da Universidade Estadual de Ponta Grossa (HU-UEPG) receberam de estudantes. A iniciativa partiu de 150 alunos do 6º ao 9º ano do Colégio Positivo, em comemoração à Semana da Enfermagem, que encerra nesta quinta (20). As cartas foram distribuídas às equipes do HU nesta quarta-feira (19).

Emocionada, a enfermeira Amanda Calixto leu uma das cartinhas e não pôde conter as lágrimas. “A gente fica muito feliz por esse carinho, nos sentimos amados e eu, de fato, fiquei bastante emocionada. Também sou professora e quando vejo os alunos interagindo com a gente, fico muito feliz”. O HU conta com 550 profissionais da enfermagem, que trabalham nos setores de imagem, pronto atendimento, clínicas, UTIs e ambulatório.

Regiane Hoeldtke, chefe de enfermagem do HU, ressalta a importância de profissionais receberem mensagens de apoio em um momento de pandemia. “A enfermagem fica extremamente emocionada pelo reconhecimento que a população e tem com a gente. Estamos aqui para cuidar de tudo e de todos. Podem ter certeza que não vamos desistir e vamos até o final ajudando todo mundo que precisa”, comenta.

As atividades dos estudantes fazem parte do projeto de formação humana e empatia. A gestora de exames finais do Colégio Positivo, Carla Riquerme, destaca que o trabalho dos profissionais de enfermagem também foi debatido em sala de aula. “Nós pedimos para os alunos se colocassem no lugar deles, que pensassem e refletissem sobre as ações abordadas na mídia. Eles discutiram sobre a importância do profissional e escreveram cartões para poder entregar aos enfermeiros, em sinal de carinho de agradecimento”, finaliza.

A recuperação dos pacientes se deve, em grande parte, aos profissionais da enfermagem, de acordo com Jéssica Nadine Lima, técnica de enfermagem. “É muito mais do que um trabalho, é uma arte que a gente tem que exercer com amor e eu tenho certeza que eu e todas as minhas colegas fazem isso”. Para Jéssica, fazer o que gosta é motivação para o trabalho. “Tem que ter amor em tudo o que você faz. Isso é uma das minhas maiores certezas, eu exerço o que me faz feliz”.

Texto e Fotos: Jéssica Natal