27 AGO 2020

Hospital Universitário finaliza mais uma etapa da transferência para Hospital da Criança

O Hospital Universitário da UEPG realizou a transferência da Clínica Cirúrgica Pediátrica e demais atendimentos de média e alta complexidade para o Hospital Universitário Materno-infantil (Humai-UEPG) nas dependências do Hospital da Criança (HC). Na manhã de terça-feira (25), com a finalização da mudança, ocorreu a primeira cirurgia pediátrica na nova estrutura.

O paciente V.A., 13 anos, deu entrada no centro cirúrgico às 7h30 para a retirada de uma haste de fêmur. Segundo o representante da UEPG no convênio com a Prefeitura, o vice-reitor, Everson Krum, a ala cirúrgica pediátrica no Hospital Universitário Materno Infantil é uma realidade, com pacientes internados e procedimentos realizados. “É motivo de satisfação e que será também um grande aprendizado para estudantes de graduação e residências da área da Saúde”, afirma.

De acordo com o professor Miguel Sanches Neto, reitor da UEPG, a população será beneficiada com a união das equipes do Hospital da Criança e do Hospital Universitário. “Estamos aproximando duas instituições que se destacam pela excelência na atenção à população, otimizando os recursos humanos e materiais do HC”, finaliza.

Para viabilizar a transposição, foram realizadas melhorias na estrutura do HC, além da cessão de profissionais do HU para atuação nos setores materno-infantis, como médicos obstetras, pediatras, radiologistas e anestesiologistas, e também profissionais nas áreas de enfermagem, farmácia, nutrição, fonoaudiologia, fisioterapia, psicologia, odontologia e serviço social. Segundo o diretor clínico do HC Lauro Schoenberger Filho, “com esta parceria, quem ganha de fato é a população”. Para o médico, a medida contempla um sonho antigo de atender também casos de média e alta complexidade.

“Com a dedicação, empenho e muito profissionalismo, a transferência da cirurgia pediátrica de emergência do HU para o Materno Infantil foi um sucesso”, destaca a diretora geral do HU-UEPG, Luciane Cabral. Segundo ela, a partir de agora, as crianças passam a receber atendimento em um hospital especializado em crianças, com equipes capacitadas e com modernos recursos de raio-X e tomografia recém inaugurados, além de uma decoração toda especial voltada para o público infantil. “Todos estamos motivados e agradecidos pela mobilização da sociedade e dos governos”, diz.

Desde a última quinta-feira (20), estavam ativos no HC os setores voltados às gestantes e puérperas do HU, onde são realizados cerca de 240 procedimentos por mês, entre partos normais, partos cirúrgicos e outros atendimentos obstétricos.

 

Texto e fotos: Vanessa Hrenechen